terça-feira, 20 de julho de 2010

EXPLORANDO O TERROR


Quando o assunto se trata de Terror, todos logo imaginam os monstros tradicionais. Dentre eles, temos os lobisomens, vampiros e claro, os degenerados zumbis.
Mas por que os tratos como degenerados?
Pelo simples motivo de que todos morrem de medo de que o mundo seja tomado por uma infestação de zumbis e que não haverá escapatória desse mal.
Pior do que cachorro louco, os zumbis são aqueles que quando infectados, ganham uma fome insaciável, desejosa de sangue, carne e miolos.
Os vampiros que são vistos como mortos-vivos, poderiam sofrer desse mal, mas eles possuem lá sua finesse, são charmosos, inteligentes e extremamente sedutores, ao contrário dos nossos amigos citados, que logo entram em decomposição, são movidos por um instinto estomacal, deixam de pensar e são ótimos para espantar todos que aparecem no caminho.
Podem falar o que quiser, mas tais monstros não me aprazem e toda vez que dou uma chance mínima para ver se algum zumbi mostra que eles não são seres patéticos, os roteiristas fazem questão de provar o quão bom é manter a rotina deles.
Muitas vezes, se nos atentarmos, a infestação de zumbis, não é bem explicada. De repente a cidade é tomada e isolada pelo exército. É um deus nos acuda, para quem ficar na área infectada e claro, como é de praxe, pessoas que nunca mexeram com armas ou sequer lutaram na vida, transformam-se em heróis e heroínas que conseguem escapar do ataque de vários zumbis. Afinal, como tais seres perdem a massa cinzenta, o ataque grupal não é organizado tal qual um enxame de abelhas, ou animais predadores que desejam realmente suas presas.
São desajeitados na maioria das vezes, tornam-se lentos, bobos, incapazes de manter as habilidades que antes possuíam.
Então na maior parte das vezes, basta pegar um carro e brincar de bate-bate. Pegar um cabo de madeira e brincar de bete. O único cuidado que se deve ter é não deixar que eles te cerquem e que te mordam. Apenas isso.
Agora se por ventura pensarem em múmias, elas possuem meu respeito, porque elas ao menos ainda mantém a inteligência e são capazes de maldições horrorosas, que por sinal são mais bonitas de se ver, do que apenas um quase passar de raiva e ignorância com uma simples mordida.
Bom... Você deve estar se perguntando por que falei tanto dos zumbis e o motivo é que li uma revista chamada XXXombies. A HQ é uma mescla de pornografia leve com zumbis. Resultado? Por que eu ainda dou chance para esses monstros degenerados? Eles não fogem da regra, é sempre a mesma coisa, não adianta! Afinal? Onde é que as pessoas acham graça nos tais dos zumbis?

2 comentários:

Caio Murdock disse...

Olá, venho fazer um convite, para conhecer Derin e Shard - Contos de uma Andarilha, um novo universo fantástico, criado, escrito e ilustrado por Anerol Sevla, com aventura, romance, suspense e mistério. Uma série em capítulos, recentemente publicada no blog LugarDistante, acesse:

http://lugar-distante.blogspot.com/search/label/Contos%20de%20uma%20Andarilha

Essa faz parte de um pacote de novidades recentes no LugarDistante: http://lugar-distante.blogspot.com/

Até a próxima!

Carol disse...

Confesso que gosto de zumbis, afinal, sou cria do Resident Evil II.Certamente, essa HQ é muito zuada,mas é a vida hahahahaha

o seu texto está muito bacana, sério. Adorei o clima de desgosto humorado ;D

Brumas Negras

Um mundo que gera tanto fascínio quanto temor.